Translate

terça-feira, 23 de maio de 2017

Praga mata árvore íntima dos cariocas

Uma praga está dizimando uma das espécies de árvore mais conhecidas e amadas pelos cariocas, a Senna alexandrina. Se você não está ligando o nome à pessoa, aí está ela.

Foto: Marcelo Migliaccio

Trata-se de uma das espécies mais frondosas e bonitas entre todas espalhadas pelas ruas do Rio e de muitas cidades do Brasil. Aqui, porém, muitas estão sucumbindo. Não são os parasitas que tomam conta e acabam por secar as amendoeiras, outra árvore bem familiar aos brasileiros em geral.

Foto: Marcelo Migliaccio

Nas sennas, o mal faz seu estrago por dentro, criando uma espécie de sulco melado e de cor marrom. "Leigamente" falando, parece que a seiva é envenenada, como mostra o tronco desta aí, cortada há poucos dias pelos garis da Comlurb em Botafogo (Zona Sul). O homem que supervisionava a ação da motosserra me disse que ainda não identificaram a "patogenia". É de se perguntar se, numa cidade arrasada como o Rio, onde nem hospitais e escolas funcionam direito, o poder público gastaria tempo e dinheiro para descobrir o que está matando árvores nas ruas.

Foto: Marcelo Migliaccio Foto: Marcelo Migliaccio

O fato é que a paisagem carioca está ficando mais cinza e feia. As Sennas, quando saudáveis, dão pequenas flores amarelas e uma semente vistosa agrupada em pequenos ramos.

Foto: Marcelo Migliaccio

São lindas de perto e de longe. Fazem nossa vista descansar.


Foto: Marcelo Migliaccio


Eu confesso que me apaixonei por uma senna, que fica em frente à minha janela e infelizmente também parece condenada pela tal praga. Não sei o que será de mim sem ela. Para se ter uma ideia do nosso amor, basta dizer que um dia chamei e ela entrou pela minha janela. Em breve, conto essa história aqui. Por ora, deixo uma foto da minha amada, que hoje agoniza, qundo estava na flor da idade.


Foto: Marcelo Migliaccio

Descanse em paz.

LEIA TAMBÉM:
O cheiro da amendoeira
Descanse em paz
Nova amizade













quarta-feira, 17 de maio de 2017

A reportagem foi para a gaveta

A jornalista Paula Máiran conta os desdobramentos de sua reportagem, feita após passar 48 horas numa cela com a acusada pelo assassinato da atriz Daniela Perez. Ela temeu até ser linchada. A série Fora de Pauta é veiculada por este blog e pelo site Conexão Jornalismo.

Duração: 19m01
Entrevista a Fábio Lau e Marcelo Migliaccio
Produção: Conexão Jornalismo e MCE/Blog Rio Acima

Assista aqui a parte 1

segunda-feira, 15 de maio de 2017

Paixão Rubra

A mais incrível história de amor entre uma torcida e um time. Clube mais simpático do Rio e um dos mais tradicionais do Brasil, o America Football Club vive tempos difíceis. Este filme mostra a inabalável paixão de seus torcedores, as glórias e os ídolos do passado e as últimas grandes emoções, vividas no Campeonato Carioca de 2006. Agora disponível na íntegra.


Ano: 2006
Duração 44 minutos (mais extras no DVD).
Direção: Marcelo Migliaccio
Música: Acidente

Assista também ao documentário O Outro Lado da Bola.

sexta-feira, 12 de maio de 2017

A incrível história de Xoxa Menegay

Muita gente já o viu se apresentando nas ruas do Rio, o que ninguém conhece é sua marcante trajetória de vida.

segunda-feira, 8 de maio de 2017

Presa com a assassina de Daniela Perez

A jornalista Paula Máiran relata como foram as 48 horas que passou numa cela com criminosas, entre elas a acusada pelo assassinato da atriz Daniela Perez. A série Fora de Pauta é veiculada pelo site Conexão Jornalismo e por este blog, trazendo histórias de jornalistas que nunca vieram a público.

Duração: 17m43
Entrevista a Fábio Lau e Marcelo Migliaccio
Produção: MCE/Blog Rio Acima e Conexão Jornalismo

Assista também os desdobramentos dessa reportagem: parte 2

quinta-feira, 4 de maio de 2017

Confissões de um Senhor de Idade

E se Deus aparecesse pessoalmente no seu quarto? O que você diria a Ele? Flávio Migliaccio escreveu essa peça para comemorar seus 62 anos de carreira. No palco, contracena com Luciano Paixão. Confissões de um Senhor de Idade estréia dia 18 de maio, no Centro Cultural dos Correios (Rio). Você não pode perder esse incrível embate!